Preliminares

A coisa mais surpreendente que o Masters de Cincinnati trouxe ao mundo do tênis foi um Mardy Fish mais magro. As quedas prematuras de 3 do Quarteto não assustam. Dois campeonatos fortes como esses, em seguida, no verão norte-americano, a duas semanas do US Open, são praticamente uma tortura para os jogadores. Afirmar que Federer não está “acabado”, como disse Eusébio Rezende no Sportv, equivale a dizer que o Ronaldo está acima do peso. Obviedade.

Andy Murray, o cara-que-todos-esperam-que-chegue-à-final-em-Nova-York, jogou suas partidas ao meio-dia e, quando perdeu para Mardy Fish, estava pior que Isner e Mahut no terceiro dia de maratona em Wimbledon. O brit reclamou da organização, mas nada poderia ser feito porque Fish jogava duplas no mesmo dia. Necessariamente, o jogo de simples vem antes. De qualquer forma, Andy chega bem ao Grand Slam. Mamãe Judy está ao seu lado e há um burburinho (palavra horrível, mas que se encaixa) de que a Sra. Murray seria uma excelente técnica para ele.

Djokovic continua djokovicando, ou seja, ganhando nossa torcida para depois fazer com que a gente se arrependa. O sérvio parece mais equilibrado em quadra, mas sem muito poder de reação. Perder daquela maneira para um Roddick longe dos melhores dias demonstra que Djoko não está lá muito motivado. Quais seriam as metas do sérvio nesse momento da carreira? Ser número 1 não parece muito possível. Vencer mais um Grand Slam para não ficar marcado como o-cara-que-ganhou-um-e-nunca-mais? Parece pouco para um jogador tão jovem como ele e que prometia mais.

Nadal é a grande preocupação. Todo ano, o espanhol não sai da primeira marcha nessa fase da temporada e chega ao US Open parecendo cansado e desacreditado. Honestamente, não vejo Rafa chegando à final em Nova York. Se Djokovic cair no seu lado da chave, o espanhol tem mais chances. Porém, isso não se trata de torcida contra. Quero que Nadal me surpreenda.

Federer chegou a Flushing Meadows bem melhor no ano passado, mas isso não quer dizer muita coisa. Em 2008, após perder Wimbledon, a Olimpíada e o número 1, ele venceu o US Open com facilidade. A volta por cima de 2009 não impediu a zebra argentina chamada Del Potro. A lógica é uma final entre Federer e Murray, como em Toronto, mas tudo depende da chave… e claro, das zebras.

Miles away…

Esse será um US Open bastante desfalcado. Dê uma olhada na lista de desistências até hoje:

* Serena Williams (EUA) – rasgou o pé pisando em vidro num restaurante, também conhecido como MOTIVO MAIS IDIOTA PARA SE CONTUNDIR

* Justine Henin (BEL) – lesão no cotovelo, sofreu em Wimbledon. Joga só em 2011.

* Juan Martín Del Potro (ARG) – atual campeão do torneio, teve lesão grave no punho, não joga desde janeiro. Tentou dar migué, postando no twitter que voltou a treinar, mas só volta no fim de setembro ou outubro. Capote no ranking à vista.

* Jo-Wilfried Tsonga (FRA) – lesão de Wimbledon também, joelho.

* Tommy Haas (EUA) – alemão até outro dia, parece que ter se naturalizado americano não fez muito bem ao rapaz. Não joga desde o começo do ano.

* Ivo Karlovic e Mario Ancic (CRO) – conte uns 200 aces a menos no torneio.

Possíveis desistências nesta semana: Ana Ivanovic e John Isner.

Thomaz Bellucci será cabeça de chave com certeza no US Open. As oitavas em Roland Garros foram surpreendentes, bem como a terceira rodada em Wimbledon. No US Open, o meio termo da segunda rodada é o mais lógico. Porém, nesta semana de véspera, o palmeirense é cabeça 2 em New Haven, um torneio importante em termos de ranking. Boa oportunidade para recuperar o terreno perdido em Hamburgo e Gstaad.

Essas foram as preliminares do US Open. Semana que vem, aquele panorama da história do torneio, últimos campeões, curiosidades, sabem o esquema. See ya there!

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Masters 1000

Uma resposta para “Preliminares

  1. yuri

    post genial, dei muita risada.
    principalmente com o vidro no pe da williams.
    e, ah, o bellucci eh palmeirense… ¬¬ q perca

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s