A Olhuda e a WTA

Ela late quando ganha um ponto importante, ela namora um rapaz de 16 anos (dizem por aí), ela não dá três saltos mortais e sai correndo abraçar os parentes quando ganha seu primeiro Slam. Petra Kvitova é uma moça estranha. E uma excelente tenista, sem dúvida.

Sei que dá muita vontade de apontá-la como uma representante do “futuro-do-tênis-feminino”. Acho que será, mas não a única. Ainda não há uma tenista entre as mais jovens que podemos enxergar uma força de campeã como a de Serena, Venus, Justine, Kim e Sharapova, uma líder em potencial.

Kvitova está nos holofotes desde o ano passado e vem fazendo uma excelente temporada, é verdade, mas o tanto de expectativa a que ela correspondeu em Wimbledon foi a mesma que ela não correspondeu em Roland Garros. Talvez porque seu jogo seja mais adequado à grama?

Acho que não. Petra tem um ótimo saque, sem dúvida, mas não é suficiente para desestabilizar uma adversária, como os das irmãs Williams e da Lisicki, por exemplo. O forte dela são as bolas retas da linha de base e nisso ela lembra muito a própria Sharapova. O que quero dizer é que não vejo o jogo da Kvitova como uma novidade, mas como uma tendência que começou com a Sharapova e tem como expoente a Azarenka, derrotada pela tcheca na semifinal.

O que difere a Petra, na minha visão, é a sua postura um pouco “alheia” a tudo que está ao seu redor. Ela tem inconstâncias dentro de um jogo, mas não perde a cabeça como a Azarenka. Foi isso que fez com que ela sacasse para o campeonato numa final de Wimbledon contra uma ex-campeã e confirmasse sem problemas.

Por sua vez, Maria não tem por que ficar triste. Foi um longo caminho desde a lesão no ombro, os resultados ruins, a desconfiança, a melhora nesta temporada, a semi de Roland Garros, até a final em Wimbledon. Tudo que posso pensar é o quanto esse US Open será interessante, com irmãs Williams com ritmo de jogo, Sharapova confiante, Clijsters recuperada (espero) e as novatas querendo desbancá-las a todo custo. Game on.

Uma frase para cada integrante do Big Four

Nadal: perdendo a final ou não, foi o melhor jogador do campeonato.

Djokovic: tudo o que ele fez não poderia passar em branco. Ele chegou ao número 1. O problema agora é manter. Será MUITO difícil.

Federer: após a vitória sobre Djoko em Roland Garros, ele disse que, quando abriu 2×0, sabia que tinha vencido porque não se vira um jogo contra ele. O destino é uma bosta.

Murray: trabalhar, treinar, melhorar, acreditar e a hora chega. Djoko está aí para provar.

Anúncios

8 Comentários

Arquivado em Grand Slam

8 Respostas para “A Olhuda e a WTA

  1. Petra conquista wimby. Não vi o jogo [motivo tênis =] mas posso dizer que.. EU JÁ SABIA [http://twitter.com/#!/Tennisandroll/status/86181258366959616 comentário antes das semis] YEY!! motivos do palpite: A menina tem muito mais gelo nas veias que a instável emocionalmente Vika e mais jogo pra grama que as outras 3: A empunhadura, nacionalidade [leia-se escola], coragem de ir pras linhas, desde a devolução, Saque abertão de canhoto, segundo saque EM QUADRA. Não adianta ter os golpes, o jogador tem que ter ciência do potencial dele. Ganhar da Mommy Clijsters numa final de quadra rápida deve ter feito bem a confiança da moça, e destruir a Wozniacki e Azarenka ano passado em W tb.

    PS: Sheila, o latido dela é um POJD` que aparentemente signfica vamos ou “vem”.

  2. Lays Guerrero

    Não tem como não gostar da Petra, apesar de toda a dor que estou sentindo agora com a derrota da Maria.
    Mentira…não estou tão Curtos assim!

    Mas enfim, o que ‘consola’ é que a Maria perdeu para uma adversária que jogou melhor.
    Desde o dia que essa menina derrotou a Stosur na Austrália me chama atenção. Aí veio aquela final em Paris que ela deu aula pra Clijsters, incrível. Depois passeou no saibro contra Azarenka.
    E hoje, entrando por grupos das campeãs de slam.

    Sempre achei que quando se ganha um slam muito jovem, a pressão para o resto da carreira se torna menor. E vai ser assim com a Petra…pra mim ela não chegou no seu limite e tem muito o que evoluir.

    Sobre Maria, para quem não estava conseguindo passar das oitavas desde Wimbledon 2010, esse resultado foi excelente.
    Semis em Paris e final em Londres devem ser comemorados, mas é pouco pra ela…tenho certeza que continuará cada vez mais forte e buscando esse slam.

    Enfim, foi um bom Wimbledon para a WTA.

  3. A Kvitova sobrou,a Lays Guerrero tinha razão sobre ela!
    Que a Kvitova se mantenha,é até bom para o mundo da WTA equilibrio e várias tenistas a brigarem por um só posto que é o número 1.
    Abraço
    Igor
    meu blog de esportes: http://igoresportes.blogspot.com/ e no twitter pra quem quiser seguir é @blogdoigor05

  4. Eu sei que o post é sobre a WTA, mas não posso deixar de comentar essa declaração do Federer. Ele disse isso mesmo? O destino é uma bosta mesmo…

    Quanto à Maria, estou desolado pela perda do título, mas feliz pela ascensão que ela vem conseguindo em 2011. Ainda falta um Slam, então temos que renovar as esperanças e torcer cada vez mais.

  5. Muito bom o post. Concordo desde as mínimas palavras.

    Abraço!

  6. Falarei mais no meu post no Teniscópio, mas desde a primeira vez que vi a Petra jogando, ela me surpreendeu e muito. O motivo tem a ver com o que você falou, Kvitova não se preocupa tantos com os erros. Esse ar displicente sempre me chamou a atenção. Para mim, é a marca da tcheca.

    Não preciso falar que você fez mais do que uma frase para o Djokovic, né? A gente entende… Sim, para o Federer também. Mas você falou do Nole lá também. Então, novamente, eu entendo.

  7. ju penna

    Olha, não quero parecer uma pessoa que eu conheço…
    Mas semifinal de Wimbledon prede mto a graça! hehe
    Até de ler sobre no jornal do dia seguinte! :PPP

    E o Murray nem na final chegou tbm… 😦

    Mas fiquei MTO feliz pelo Djoker! 😀

  8. Em poucas palavras:

    A menina é Top 10, e sequer tem site oficial. Nada mais justo que ela ganhasse o Slam que não aceita publicidade em torno da quadra, exceto a da bola do torneio. Se bem que preto no fundo verde é pedir pra esconder o logo…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s