Quem vai brilhar muito na quadra dura?

Ah, a pergunta de 1 milhão de reais (na verdade, US$ 1,8 milhão, o prêmio dos vencedores do US Open). Como bem disse o Chefe, a maioria dos top 10 (do top 20, na verdade) tem na quadra dura seu piso favorito. Mas discordo da consequência que isso traz. Ao invés de ficar imprevisível, o circuito será mais manjado do que no primeiro semestre.

Por quê? No saibro, por exemplo, você pode imaginar um Richard Gasquet batendo o Federer, um Nicolas Almagro vencendo o Andy Murray. Na verdade, nós vimos o Thomaz Bellucci ganhar do britânico! Na quadra dura, seria muito mais difícil para o brasileiro fazer o mesmo (não me venham com Alex Bogomolov/Donald Young, aquilo foi uma aberração).

Agora, no piso onde Novak Djokovic, Roger Federer e Andy Murray jogam de olhos fechados, qual é a chance deles perderem antes das semifinais dos Masters e do US Open? Muito pequena. Até mesmo o Rafael Nadal, que chegou a Nova York desacreditado no ano passado e… bem, vocês lembram.

Porém, seria um exagero cravar que eles farão as semis em todos os três torneios. Alguém deve aparecer por aí e dar uma tsongada. Podemos pensar no Robin Soderling, que decepcionou nos grandes torneios até agora em 2011, muito por causa de lesões, mas parece estar trabalhando para ter destaque novamente.

Juan Martin Del Potro voltará ao top 10 ainda neste ano? Tudo indica que sim. As campanhas do argentino em torneios de quadra dura americanos em fevereiro/março foram impecáveis e ele ainda estava sentindo dores. Sem nada a defender, é quase certo que Delpo voltará ao lugar a que pertence. Top 5? Talvez só no finalzinho do ano, quando Soderling pode perder os pontos do Masters de Paris.

Quem sabe David Ferrer? Sim, um espanhol. Não estou nem falando do que ele fez nos EUA pela Copa Davis, mas por seu título em Auckland e semifinal no Aberto da Austrália. Andy Roddick sabe que essa é uma das suas últimas chances de ser relevante num Slam, mas coloco minhas fichas estadunidenses (argh, odeio essa palavra) no Mardy Fish.

Realmente espero que o Tsonga mantenha os bons resultados e ocupe o lugar do Monfils no top 10. Ele é muito mais jogador que seu compatriota magrelo e é mais espontâneo do que aparecido em suas fanfarronices durante o jogo. Outros nomes que seriam bem-vindos às rodadas finais seriam Fernando Verdasco e Mikhail Youzhny, dois excelentes tenistas que não fizeram nada relevante nesta temporada e foram muito bem no US Open de 2010.

E o Bellucci, vai brilhar muito? De Los Angeles até a Copa Davis na Rússia, teremos a resposta.

Who run the world? Girls. – Se na ATP a preferência pela quadra dura é enorme, na WTA é quase total. Penso apenas em Francesca Schiavone lamentando o fim dos torneios de saibro (quem souber de outra, avise). E mais uma chance para Caroline no palco onde ela fez sua única final de Slam. Bom, inspiração para vencer um US Open parece que ela já esta adquirindo. Heh.

Anúncios

6 Comentários

Arquivado em Torneios ATP, Torneios WTA

6 Respostas para “Quem vai brilhar muito na quadra dura?

  1. Dia desses eu tava rememorando as semis de todos os Slams e Masters 1000 e percebi que todas elas tiveram pelo menos três integrantes do “Big Four”. É até interessante enumerar esses caras que “podem aprontar”, mas quem seria o cara a decepcionar?

    Sobre a WTA: (quem souber de outra, avise)
    – Pironkova: Só joga bem em Wimbledon. Deve ter uma quadra de grama em casa.
    – Hercog / Begu: Duas revelações (ok, a Hercog é Top 100 desde 2009 mas nunca tinha feito nada) e que fizeram boas campanhas no “saibro fora de época”
    – Em menor proporção, as inúmeras espanholas-baloeiras-com-hífens-no-nome.

  2. Se o Federer ganhar Cincinatti, Canadá e US Open nesse USO Series, já tá ótimo! hahahaha xD – Brincadeiras a parte, acho que o Nole é sim o principal favorito nesses torneios, é o melhor tenista da temporada e ainda não perdeu no piso rápido – ganhou AO, Dubai, IW e Miami, não é pouco -, então não tem como não colocá-lo como o “cara a ser batido”. Uma terceira rodada no US Open para o Bellucci já seria um bom negócio, é difícil esperar muita coisa…

  3. Gulbis vai arrebentar. Pode apostar. Nem que seja uma raquete ou a cara de um juiz que falar “it bounced twice”…

    Hummm acho que o Rafa vai patinar, a não ser que ele tenha treinado o backhand durante os treinos de surfe, golfe e vôlei de praia em Mallorca.

    Será que o Murray vai? Cansei dessa novela. Next!

    É óbvio que vai ser o Djoko.

    Na WTA, Kvitova, Na Li e Azarenka saem na frente. Sharapova e Wozniacki também vem forte. Mas surpresas podem acontecer. E se acontecer, Zvonareva, Jankovic e Kuznetsova podem beliscar uma final.

  4. Se o Djoko dominou essa primeira metade do ano, daqui pra frente no piso favorito vai ser dureza pegar o cara.

    Devaneio: O Tsonga esteve em Belgrado na final da Davis 2010, mas só como torcedor. Com ele 100% a França teria uma chance maior de ter conquistado a taça [o retrospecto Tsonga vs Troicki é estranho, mas ele se sairia melhor que o Llodra, já que o jogo do sérvio é bater lá de trás]. Sem a Sérvia ter conquistado a Davis talvez o Djoko não se tornasse o monstro versão 2011.

    Eu odeio esses tipos de suposições e especulações que não levam a nada, mas ainda sim elas passam pela minha cabeça. Muito acontece por causa e efeito ainda que nós não consigamos definir efeitos para causas que não ocorreram.

  5. Vai ser muito clichê apostar no Djokovic? rsrs

    Tudo bem, acho que o Tsonga pode abiscoitar uma final aí. Ia ser legal de ver. E também acho que ele é muito mais jogador-entertainer-carismático-tudo-de-bom que o Monfils.

  6. Sinceramente?No Us Open é Federer,Nadal e Djokovic e com Murray correndo beeem por fora.Sobre Soderling e Del Potro e Ferrer,só 1 deles pode chegar e acho que será Delpo.Ferrer em Flushing Meadows ele não costuma ir bem.
    Sobre a WTA tá aberto tudo,e pode as irmãs Williams chegarem lá também e a Kim tá numa situação complicada pra defender o título.
    Sobre Bellucci,brilhar nas quadras rápidas junto com a Copa Davis e a Rússia que pode ir completa…não sei não,embora a estatura do Bellucci combina com a rápida embora ele não goste da rápida.
    É isso!
    Abraço
    Igor
    Meu blog de esportes: http://igoresportes.blogspot.com/ e no twitter @blogdoigor05 sobre meu blog de esportes!!!é isso aí,quem quiser acompanhar a vontade!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s